Volkswagen. Grupo alemão assume liderança do mercado automóvel mundial


Data: 28 Julho, 2015

Foi finalmente alcançado pela VW o objetivo que vinha a perseguir nos últimos anos, pois ao longo do primeiro semestre ultrapassou a Toyota e tornou-se no fabricante com maior volume de vendas a nível mundial.

Depois de nos últimos anos se ter progressivamente aproximado do total de vendas da Toyota a nível mundial, o Grupo Volkswagen conseguiu agora ultrapassar os seus rivais e alcançar a liderança do mercado global. Os dois maiores players da indústria automóvel continuam separados por uma margem bastante escassa, mas que agora é favorável aos germânicos. Ao longo do primeiro semestre, o consórcio europeu comercializou um total de 5,04 milhões de viaturas, enquanto os seus rivais asiáticos ficaram com um acumulado de 5,02 milhões de veículos transacionados, o que significa que a diferença entre ambas se situa em apenas 20.000 unidades.

Apesar dos resultados acima dos cinco milhões de automóveis saídos dos seus representantes, os dois maiores fabricantes a nível mundial no que se refere a volume de vendas viram os seus resultados cair entre janeiro e junho de 2015. A VW viu as suas estatísticas regredir 0,5%, enquanto os seus rivais registaram uma quebra de 1,5%. Também a terceira classificada deste ranking, a General Motors, teve um desempenho negativo ao longo do primeiro semestre, com os 4,86 milhões de veículos comercializados a representar uma redução de 1,2%.

Um dos segredos para o resultado da Volkswagen esteve na revitalização do mercado europeu, cujas previsões de vendas foram revistas em alta. No entanto, a redução verificada no mercado chinês prejudica o grupo automóvel germânico e coloca em perigo a liderança agora alcançada, um objetivo que vinha a ser perseguido nos últimos tempos. Para se perceber como o gigante asiático desempenha um papel fulcral na ótica comercial da VW, ao longo do primeiro semestre as suas vendas na China caíram 3,9% para 1,74 milhões de unidades, números ainda assim bastante acima dos 512800 veículos transacionados pela Toyota, que durante este período obteve um crescimento de 10% neste território.

Partilhar