Delphi. Primeira viagem autónoma de longa distância chegou ao fim


Data: 16 Abril, 2015

Foram mais de 5000 quilómetros percorridos em que cerca de 99% do tempo o Audi Q5 usado foi usado em modo totalmente autónomo.

A Delphi Automotive completou a viagem automatizada mais longa da América do Norte, viajando de São Francisco a Nova Iorque, na primeira viagem de costa a costa já realizada por um veículo autónomo. Mais de 5.000km foram percorridos com 99% de condução completamente automatizada.

Os engenheiros na Delphi utilizaram esta viagem para pesquisar e coletar informações que vão ajudar a desenvolver ainda mais as tecnologias de segurança ativa – o segmento da indústria automóvel que cresce mais rapidamente. A equipa juntou quase três TB de dados, semelhante a 30% de todo o material impresso na Biblioteca do Congresso de Washington.

“O nosso veículo fez teve um desempenho excecional nesta jornada, excedendo as nossas expectativas”, afirmou Jeff Owens, chief technology officer (CTO) da Delphi. “O conhecimento obtido com esta viagem ajudará a otimizar os produtos de segurança ativa e acelerará o desenvolvimento de produtos para o futuro, o que nos permitirá oferecer tecnologias inigualáveis aos nossos clientes”.

A viagem de nove dias passou por 15 Estados e o Distrito da Columbia. No caminho, o veículo passou por situações complexas, como zonas de trânsito intenso, zonas de construção, pontes, túneis, motoristas agressivos e uma variedade de condições meteorológicas.

O veículo de condução autónoma da Delphi é equipado com um conjunto completo de tecnologias e recursos avançados, muitos já presentes no mercado atual, incluindo sistemas de aviso de colisão, radar e câmara integrados, além de avisos de colisão frontal e mudança de faixa.

Para saber mais sobre esta viagem visite este link.

Partilhar