Bosch. Novos equipamentos de acordo com a norma 5 em vigor a partir de julho


Data: 11 Junho, 2015

Nova regulamentação para equipamentos de teste em veículos abrangidos pela norma Euro 6 inclui uma sequência de testes simplificada para análise de gases de escape em veículos diesel. Em vigor a partir de julho de 2015.

Uma nova norma para veículos comerciais e de passageiros foi publicada para ir ao encontro do novo padrão de emissões Euro 6. A norma 5 entra em vigor no dia 1 de julho de 2015 e afeta tanto o princípio de operação dos equipamentos de diagnóstico de emissões como a sequência de teste. A mudança prática mais importante é a sequência de teste simplificada para veículos a diesel sem limite de velocidade. Para além disso, os novos protocolos de sinal OBD mundiais e padronizados – WWH-OBD e SAE J1939- também foram introduzidos na norma 5. A sequência de teste para motociclos é outra das novidades ao utilizar software que está de acordo com a norma 5. A sequência de teste para veículos elétricos com extensão de gama também foi ajustada.

Para todos os veículos que estejam de acordo com os padrões de emissão da Euro 5, as oficinas ainda podem trabalhar de acordo com a diretriz 4. No entanto, a sequência de teste para veículos a diesel não pode ser utilizada. Para todos os carros de passageiros e veículos comerciais que estejam de acordo com a Euro 6, os testes têm de ser feitos ao abrigo da norma 5.

A PARTIR DE MAIO, O SOFTWARE VEM COM ATUALIZAÇÃO DE INFORMAÇÃO

Os novos equipamentos de teste de emissões BEA 550/950 da Bosch já estão equipados para a análise exaustiva de emissões de escape de acordo com a norma 5. O sistema de software BEA-PC também suporta os novos protocolos de sinal OBD desde outubro de 2014. Em maio, as oficinas com subscrições de dados de análise de emissões de escape vão receber o software de acordo com a norma 5 em conjunto com a atualização de dados realizada na análise de emissões. De agora em diante as oficinas também já podem comprar, através do retalho, os dados da análise das emissões de acordo com a norma 5, incluindo o software. As mudanças exigidas pela nova norma serão implementadas exclusivamente no software BEA-PC. Os dispositivos que ainda funcionam com o software de análise de emissões ESA, terão de ser atualizados para o BEA-PC a partir deste mês.

Os equipamentos de teste BEA 150, 250, 350 e BEA 460 deverão ser atualizados pelos módulos KTS 515, 540 ou 570. Os módulos KTS 115 e KTS-Card utilizados até agora não suportam o novo protocolo de sinal OBD. Desta forma, a Bosch desenvolveu um kit de reequipamento portátil para o BEA 150, 250 e séries 350 e que permite controlar os dispositivos através de um portátil com o BEA-PC instalado. Estes dispositivos também estão de acordo com a nova norma 5. Os módulos de medição da temperatura MTM/MTM Plus deverão ser substituídos pelo BEA 030.

A Bosch e os distribuidores apoiam as oficinas que utilizam os equipamentos de teste de emissões mais antigos na atualização dos seus dispositivos através de uma grande variedade de kits de reequipamento, pacotes especiais e campanhas de recompra. Desta forma, as oficinas passam a responder de forma adequada aos requisitos da norma 5 e a estar preparadas para a análise de emissões de gases dos veículos abrangidos pela Euro 6.

Partilhar