Audi. Part4 anuncia colaboração inovadora entre humanos e robots


Data: 25 Fevereiro, 2015

A Audi anunciou a adição de uma inovação ao seu sistema de produção ao colocar nas linhas de montagem um conjunto de robots sem as habituais proteções em seu redor e que trabalham em conjunto com os funcionários do emblema germânico.

Na sua principal unidade de produção, situada em Ingolstadt, a Audi avançou para um novo processo de fabrico denominado Part4 que tem por base a cooperação entre humanos e os robots que são utilizados no fabrico de automóveis. Trabalhando de braço dado com os funcionários sem necessitarem de estarem confinados às habituais caixas de proteção em metal, esta nova colocação das máquinas procura adaptar o ritmo de trabalho destes equipamentos ao dos seus companheiros humanos. Referindo tratar-se da primeira cooperação entre humanos e robots utilizada no processo de fabrico do Grupo Volkswagen, entre as vantagens desta inovação estão a maior ergonomia oferecida aos colaboradores nas linhas de produção e também a maior facilidade conferida na montagem de componentes.

Hubert Waltl, responsável de produção da Audi, apresentou o Part4, referindo que “as fábricas do futuro vão contar com uma crescente colaboração ente humanos e máquinas. Isto permite automatizar rotinas e operações e otimizar a ergonomia em ambientes de trabalho menos favoráveis”. Quando questionado se no futuro os robots poderão substituir totalmente os humanos na produção dos automóveis, Waltl considerou que os colaboradores da marca dos quatro anéis vão continuar a ser uma parte importante deste processo. “As pessoas vão continuar a fazer decisões e os nossos funcionários vão continuar a ser essenciais para a produção de sucesso e orientada para o futuro da Audi”.

Implementado nas linhas onde nascem os modelos A4, A5 e Q5, o Part4 permite que as peças sejam retiradas das caixas a um ritmo adaptado ao dos funcionários, que recebem os componentes numa posição mais ergonómica. Sobre os potenciais perigos do funcionamento destes equipamentos fora dos habituais espaços fechados, os responsáveis da Audi referem que, pela proteção exterior em material suave e os sensores incorporados nos robots, o sistema produtivo Part4 é totalmente seguro para os funcionários.

Partilhar