Segunda fase do programa da Nissan de pára-choques pintados

Texto: Carlos Moura
Data: 17 Março, 2018

Programa de pára-choques pintados da Nissan permite reduzir os tempos de imobilização dos veículos e aumentar a produtividade das oficinas.

A Nissan lançou um programa de pára-choques pintados que é considerado um pilar importante entre as soluções de reparação da marca. Com esta solução, os reparadores beneficiam de um acesso mais rápido aos pára-choques a partir de um armazém central, assim como de uma correspondência de cores mais precisa, permitindo uma instalação mais rápida e com acabamento de fábrica em cada reparação.

O programa de pára-choques pintados da Nissan foi lançado em 2015 para oferecer uma alternativa aos pára-choques dianteiros e traseiros não pintados. Até agora encontravam-se disponíveis em 41 cores diferentes, mas apenas para os modelos mais recentes da marca japonesa. A segunda fase deste programa passa a abranger um total de dez gamas, incluindo o crossover Qashqai, o dois volumes compacto Micra e o novo LEAF, cobrindo modelos mais antigos das principais gamas de automóveis da Nissan em circulação na Europa.

Cerca de 70% de todas as colisões na Europa são provocadas por impactos de para-choques com para-choques a baixa velocidade, de que resultam apenas danos menores. Esta programa garante uma substituição mais rápida dos pára-choques e permite reduzir o tempo de imobilização do veículo de uma média de 72 horas para 24 horas. Isto permite aumentar a produtividade das oficinas e a sua capacidade de responder às necessidades de reparação de veículos de outros clientes, além de proporcionar um melhor apoio às seguradoras e às gestoras de frotas.

Os pára-choques pintados são moldados por injeção na fábrica da Nissan em Sunderland, no Reino Unido. Na sua produção são utilizados os recursos de energias renováveis e um processo de pintura encurtado para reduzir o consumo de materiais. A expedição é realizada com recurso a um sistema de embalamento em cartão robusto e reciclável.

Partilhar