Bosch lança dispositivo de eCall retro compatível

Texto: Carlos Moura
Data: 31 Março, 2018

A Bosch introduziu um dispositivo de chamadas de emergência para veículos anteriores a 31 de março de 2018.

A Bosch anunciou a disponibilização de um dispositivo de chamadas de emergência, eCall, retro compatível, que pode ser instalado em todos os veículos com uma data de aprovação anterior a 31 de março de 2018. O dispositivo da Bosch recorre a uma ficha de 12 volts, como a do carregador de isqueiro, permitindo o seu funcionamento sem que seja necessário instalação profissional ou conhecimentos de mecânica ou eletrónica.

Através de um sensor de aceleração, uma colisão ou acidente grave são detetados e, com recurso à tecnologia Bluetooth, a informação é enviada para uma aplicação no smartphone, que por sua vez alerta as equipas de emergência através de uma chamada telefónica, nos mesmos moldes do sistema incorporado nos novos automóveis.

A partir de 31 de março, o sistema eCall passou a ser obrigatório em todos os novos automóveis da União Europeia. Isto significa que assistente digital estará ligado em permanência e em caso de acidente solicitará automaticamente apoio. O eCall permitirá que as equipas de socorro atuem mais rapidamente e de forma mais precisa em caso de emergência, e espera-se que permita salvar mais de 2.500 vidas a cada ano e reduza em 15 por cento o número de feridos com gravidade. A Bosch fornece uma extensa linha de sistemas eCall, incluindo telemática e serviços, e uma solução para que os carros antigos também possam beneficiar desta solução: o plug eCall telemático.

Os vários procedimentos de segurança, após um acidente, são muitas vezes difíceis de adotar e todos os segundos contam para que as consequências não sejam ainda piores. Contudo, o estado de choque, o encarceramento ou ferimentos graves impedem muitas vezes que se consiga pedir ajuda. O sistema eCall serve exatamente para prestar auxilio nestas situações, detetando o local específico onde ocorreu o acidente, quer seja de noite, numa estrada deserta ou na autoestrada, e envia essa informação para os serviços de socorro. O sistema também possui um botão SOS que os ocupantes podem usar manualmente para acionar o serviço de socorro. Em qualquer caso, uma chamada áudio é efetuada entre a equipa de emergência e os sinistrados para que possam ser trocados detalhes sobre o acidente. Caso os ocupantes não respondam, a equipa desloca-se imediatamente ao local do acidente. Graças ao sistema de informação preciso, baseado nas coordenadas de GPS, a equipa sabe, inclusivamente, em que direção é que o acidente ocorreu. Este tipo de funcionalidades poupa tempo, uma vez que não há necessidade de se fazer uma inversão de marcha.

Partilhar